quarta-feira, 18 de julho de 2007

Se eu fosse uma ave...


E se de eu fosse uma ave e voasse pelo tempo, até à tua janela?
Se por acaso voasse como quem caminha até ao outro lado da vida?
E se por coincidência fosses à janela?
Poderias reconhecer-me?
E levantar voo comigo, da tua janela?
E se de repente o tempo voasse até à tua janela?
Saberias ver a luz dentro do negro dos olhos da ave ?
E poderás ser enfim a poetisa ?
A que voará comigo até esta janela?

9 comentários:

Thunder disse...

Se eu fosse uma ave, será que alguém me aprisionava numa gaiola???
Ainda bem que não sou...lol

irneh disse...

Nunca te disseram que és "uma ave rara"?
Estou a brincar!!!
Se fosses uma ave, alguém te ia aprisionar numa gaiola. Assim, alguém te guardará no coração.

Beijinhos

David (DeltaFox) disse...

Sim, sou mesmo uma ave rara :P

Epá, gosto mais do ponto de vista da Irneh...

Bjinhos

starxandra disse...

Que liiiiiiiiiiiiiiiiiiido!
Amei!
Se eu fosse uma ave...poisaria numa janela mas voaria novamente em liberdade pelos céus...esse seria o meu espaço...
Beijinho!

David (DeltaFox) disse...

Sim, o céu é o local onde as aves gostam de estár(até as aves raras), mas têm de pousar muitas vezes !
E levantavas voo só ou acompanhada ?! :D

starxandra disse...

Always alone my dear...é assim que sou feliz.
Beijinho!

Thunder disse...

Pensei que tinhas voado já para um novo post.
Deixo-te aqui um beijo voador.
Apanha-o.
lol

=^.^= Tarina =^.^= disse...

:) acho maravilhoso a liberdade das aves, das borboletas e toos os insectos com asas...

Obrigada pelos beijinhos no meu blog...
Deixo-te mais!

=^.^=

Waveygirl disse...

Lindo!

Outra ave rara que fala e que está destinada a voar sozinha...

Beijos.